Harvest Moon Family
Ola convidado, cadastre-se no fórum e faça parte da família ^_____^



 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 A maldição

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Fazendeiro
Moderador Global
Moderador Global
avatar

Postagens : 98
Karma : 228
Sabedoria : 42
Idade : 17

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: A maldição   Dom 2 Out 2011 - 18:08

Recomendo que menores de 11 anos não vejam essa Fanfic, ela ficaria bem mais legal com musica de terror. x)
Só para constar, é a minha primeira e nem é tão aterrorizante, é que o nome é assim mesmo, só por que é a primeira Fanfiction desse tipo no fórum. xD
Fanfictions sobre Harvest Moon, dizendo como foi o dia ou o que ele fez não tem muita graça, mas se misturarmos um pouco de terror, ação e muita fantasia na história, imagine o que iria acontecer?

Prológo:

Eu estava sem dinheiro e precisava de qualquer coisa que me fizesse lucrar, então, eu recebi um convite misterioso para eu ficar com a fazenda, sem remetente de quem mandou a carta, era 3 horas de viagem para chegar na cidade, entrei na vã do meu avô e fui para lá, enquanto isso, peguei o cobertor que havia deixado na minha bolsa e me deitei encostado na janela, então escutei uma voz bem aguda e baixa, isso me chamou atenção, eu olhei para meu avô e perguntei "Falou alguma coisa, vô?" e ele respondeu "Não", me deitei novamente e então escutei o som novamente, só que dessa vez fiquei quieto e me sai de perto da janela, se passaram muitos minutos e derrepente escutou um grito. "Vô, escutou isso?", e ele respondeu "Não, não escutei nada", eu fiquei cada vez mais assustado, escutei vozes falando em meu ouvido, não dava para entender bem, então eu disse "Vô, me leva de volta para casa", ele ignorou-me e então, continuou seguindo com sua vã em direção para a fazenda, o tempo fechou e uma tempestade estava por vir, vários raios davam para escutar de longe e meu avô ignorava tudo em sua volta, fiquei muito assustado e me deitei, fiquei sem escutar nada durante dez minutos e então, a vâ parou... "Chegamos", dizia meu vô, "Mas já? Isso foi em menos de uma hora!", ele não me respondeu, como um robô, eu puxei seu ombro e olhava para o rosto dele, não havia nada de errado, nada mesmo, ele voltou para vã e me deixou lá e antes de ir, disse "Cuidado com os fantasmas" e foi embora, tentei impedir, gritei "Espere, vô, volte!". Eu andei um pouco pela fazenda e então, fui dormir, não havia nenhum contrato e nada de errado com a fazenda, achei que tudo era fruto de minha imaginação, já era 10 horas da manhã e então percebí que havia acordado tarde demais para cuidar da fazenda, fui correndo e procurei por ferramentas para trabalho, tudo que encontrei foi um regador velho e uma foice, eram objetos extremamente úteis para meu trabalho. Cortei as plantas mortas e molhei as plantas que ainda estavam vivas, pelo que eu percebí, o antigo fazendeiro não era tão bom quanto eu imaginava, escutei latidos e então fiquei assustado novamente, porém, era só meu cachorro e então me acalmei, mais calmo por ter um cachorro para latir e me avisar quando tiver coisas acontecendo e também para proteger minhas galinhas do Chupacabra (No jogo "Mineral Friends", aparece o Chupacabra se você deixar o cachorro e as galinhas no quintal e esperar até às 8:00 da noite), depois de todo o trabalho feito, fui para a cidade para comprar sementes, ferramentas, já que havia trago o dinheiro que sobrou de roubos em "Tokyo", exatamente o que você está pensando, eu morava em Tokyo, tanta gente rica lá, enfim, a nossa vida continua...

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blue Falcon
Admin
Admin
avatar

Postagens : 354
Karma : 5125
Sabedoria : 1185
Idade : 20

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Dom 2 Out 2011 - 18:15

Caramba cara que fic maneira , caramba acho muito legal pessoas com o seu potencia postar suas fics aqui , cara ainda nao achei um escritor melhor.(sem exagerar , estou falando serio)
Estou ansioso esperando o primeiro capitulo se o prologo ja foi tão bom desse jeito imagino o episodio então.
Achei legal a mistura de Harvest moon com uma historia de terror.
Valeu ae por alegrar o domingo xato =D
Vou aumentar sua sabedoria por essa fic !
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fazendeiro
Moderador Global
Moderador Global
avatar

Postagens : 98
Karma : 228
Sabedoria : 42
Idade : 17

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 11:56

Deixa eu explicar, quando há uma descrição, eu coloco a frase entre aspas por que senão, vai encher de falas e vai ficar esquisito, então quando tem umas falas rápidas que dá para descrever na descrição ou quando tem discussão eu não pulo linha para fazer as falas do personagem, pois fica bem mais rápido. Mais uma de minhas dicas. lol

Capitulo 1


Com o pouco dinheiro que tinha, fui até a loja mais próxima que havia na cidade, a Cidade Sunlight, ou seja, Cidade da Luz do Sol traduzido para o português. Esperava que todo mundo soubesse falar inglês, mesmo o japonês sendo a lingua que uso. Cheguei na loja e tentei abrir a porta, só que estava trancado, ao lado da porta havia uma placa dizendo que só abre das 18:00 até 20:00, que tipo de loja abre nessa hora? Berrei e chutei a porta até que ela se abriu e alguém me puxou para dentro e me jogou para trás do balcão, dizendo "Você não sabe que daqui à 5 dias vai acontecer o Eclipse?", ela dizia, e eu respondia "Pensando bem, como eu viajei 30 minutos de um pais para o outro? Onde eu estou? Me responda!", ela ficou muito assustada e expressou medo, "Você deve ser Tyson, o novo fazendeiro da Fazenda Lunar, que é como chamam a fazenda", Tyson ficou um pouco confuso, não entendeu muita coisa, mas respondeu como se tivesse entendido o que ela havia falado "Como sabe de tudo isso?", ela se assustou novamente e respondeu "O último fazendeiro desapareceu em menos de um mês, você é o escolhido para acabar com a maldição da cidade de luz do sol", Tyson ficou horrorizado e não sabia o que fazer, depois de pensar um pouco, perguntou "Você sabe onde estamos?", e ela respondia "Você está na cidade amaldiçoada pelo fazendeiro Silverhood, a cidade inteira é um pedaço de terra que está voando e está em cima do oceano Indico, na verdade, não sei como você parou aqui.", dessa vez, ele entendeu completamente cada palavra da garota, porém, ficou mais assustado ainda "O nome do fazendeiro é o meu sobrenome, sou Tyson Silverhood e... Qual é o seu nome?", ela respondia "Meu nome é Mariana, mas me chame de Mary, como todas as pessoas dessa cidade, "Existe outras pessoas?", perguntou Tyson, mas era indiscutivel a situação, ela entregou sementes para ele e depois mandou ele embora, antes que algo de ruim acontecesse, ele sentiu que não estava sozinho e rolou para trás de uma caixa e espiou o que havia, viu somente algo parecendo com espirito, vagando pela área, ele foi correndo para trás dos objetos até que chegou em sua fazenda, pegou seu cachorro e foi para dentro de casa.

- Em hipótese alguma, latirá, fique em silêncio... Erm... Vou te chamar de Pulguento. - Dizia Tyson, para seu cachorro, porém, seu cachorro ficou nervoso. - Okay, seu nome será Alpha e ponto final.

Seu cachorro se acalmava e ele andava em direção ao ser quarto, devagar, tentando fazer o máximo de silêncio possivel e viu sua cama sendo arrumada por algo translucido, ele olhava sem tentar fazer barulho e dava passos para trás para se esconder no banheiro, só que seu cachorro acabou esbarrando numa caneta que estava no chão, o espirito translucido olhou para trás o brilho do sol acertava ele e dava para perceber que a luz acertava ele, porém, nada acontecia. "Droga, se esconda!", o espirito perseguiu ele e então, ele percebeu que havia um segundo andar, porém, a escada estava sendo bloqueada por pedaços de pau, que havia caido do andar de cima, onde havia um buraco enorme, ele pulou pelos pedaços de pau e subiu pelo buraco, depois, empurrou o guarda-roupa na frente do buraco e só depois, se ligou que ali era um sótão e havia uma mesa com vários documentos da fazenda e por último de todos, uma escritura da maldição da cidade, isso valeria ouro e eu precisava de uma caneta para assinar e a maldição estaria acabada, quando olhei pro lado, o espirito estava me olhando e então percebí que ele entrou pela janela fechada, se ele é translucido, é óbvio que ele vai conseguir passar por outra coisa translucida, ele iria me pegar, a janela era do tipo que não dava para abrir e o guarda-roupa já estava tampando o buraco, não havia forma de sair dali.

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blue Falcon
Admin
Admin
avatar

Postagens : 354
Karma : 5125
Sabedoria : 1185
Idade : 20

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 12:06

Bom como eu ja imaginava... Primeiro Capítulo perfeito.
Não encontrei erros.
Este misterio da sua fic esta tornando a emocionante e perfeita.
Espero que a prolonge.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fazendeiro
Moderador Global
Moderador Global
avatar

Postagens : 98
Karma : 228
Sabedoria : 42
Idade : 17

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 15:37

Agradeço pelo comentário, peguei inspiração para fazer esse capitulo.

Capitulo 2


Enquanto andava lentamente para trás, chutei o guarda-roupa forte como um coice de cavalo e então, uma das gavetas abre com o impulso, percebí rapidamente que havia uma lanterna e então mirei na direção do fantasma, ele não sentiu nada, eu taquei a lanterna em direção à lanterna, que quebrou o vidro da janela e caiu lá fora, o fantasma foi para fora.

- Adivinhe, são 17:00 horas da tarde agora e você não irá mais se hospedar no escurinho que há aqui dentro, prepare-se para o pôr do sol! - Dizia eu.

O sol estava se pondo e o fantasma tentava cobrir seu rosto, porém, desaparecia. Era tão óbvio que ele desaparecia ao pôr do sol, se ele não morre de noite e nem de dia, só podia ser uma coisa, quando o sol se pôr, se ele não tiver em nenhum lugar escuro, ele desaparece e só sobrevive no escuro ou no dia, excelente calculo feito por mim. Se passou alguns segundos e eu estava tranquilo, ele era realmente o único fantasma que havia na minha casa naquele momento, peguei as chaves do meu bolso e tranquei a porta e depois fechei todas as janelas e botei cortina na frente para que ninguém me veja e nem entre, peguei meu cachorrinha e ajudei ele a descer do porão e fui para meu quarto, devagar e vendo se não havia nenhum espirito, percebí que não havia, então eu fui dormir. Antes de se passar um minuto, o alarme tocava, eu batia nele, mas ele não parava, tentei desligar ele de todas as formas, já estando furioso, coloquei o alarme no chão e pisei nele, ele quebrou-se em milhares de pedaços e então me deitei e fechei os olhos para dormir. Se passou alguns minutos e eu tive um cochilo péssimo, não conseguia dormir, de nenhuma forma, não foi igual ontem, fui para fora, na fazenda e plantei as sementes e depois reguei-as, só que percebí que não estava saindo água e então, fui num lago que tinha próximo e enchí o regador, depois, molhei as plantas e voltei para casa, meu cachorrinho estava esse tempo todo sentado me esperando e isso me deixou bem contente com ele, acariciei ele e depois fui dormir. Antes de fechar os olhos, um quadro que havia no quarto caiu, eu estranhei, mas nem liguei, derrepente, o mesmo quadro caiu novamente e então fiquei assustado, como o mesmo quadro pode cair duas vezes, fechei os olhos novamente e tentei esquecer que escutei aquilo, derrepente escutei de novo, o quadro, mas seguido do gabinete, depois, o ármario e então, um piano que havia no sótão, caiu e quebrou tudo do andar, dessa vez, fiquei assustado com certeza e então percebi que o piano havia quebrado a patinha do Alpha, peguei ele e fui com ele debaixo da cama, com certeza nada aconteceria com a gente lá embaixo, derrepente, me lembrei que estava com uma escritura na mochila, da maldição, e tudo que eu teria que fazer é sair de debaixo da cama e pegar a caneta, mas o barulho ficava cada vez maior, estava tudo caindo e eu escutava vozes agudas, o rádio começou à tocar, numa música sinistra, olhei para meu cachorro e ele estava desmaiado, eu estava começando a ficar tonto e antes que eu percebesse, havia desmaiado.

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blue Falcon
Admin
Admin
avatar

Postagens : 354
Karma : 5125
Sabedoria : 1185
Idade : 20

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 18:38

Continuo Adorando a sua Fic , eu ja estou tentando desvendar algumas coisas HeHe mais ta dificiul >,< .
Eu ainda adoro o Misterio que você usa para toranar sua fic otima.
Eu só tenho uma coisa a reclamar , é que sua fic é tão legal e empolgante que eu prefiro ela maior , cada epi 4 folhas cheias do world está bom. =D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Red Phoenix
Moderador Global
Moderador Global
avatar

Postagens : 143
Karma : 1471
Sabedoria : 909
Idade : 18

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 19:16

Legal
n_n
Você fez a melhor fic que eu li até hj depois me add no msn pra vc me dá umas dicas ok
vc me dá dicas de fic e se vc quiser eu te dou de hm


Última edição por Gabeyang em Seg 3 Out 2011 - 20:51, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://harvestmoonfamily.forumbrasil.net/
Fazendeiro
Moderador Global
Moderador Global
avatar

Postagens : 98
Karma : 228
Sabedoria : 42
Idade : 17

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Seg 3 Out 2011 - 20:10

Na verdade, quero assim para ser mais rápido, são capitulos, não são episódios. Quando a gente lembra de "Episódios", se lembramos de desenhos animados, eles são bem maiores por conter mais descrição e animações e isso faz com que ele seja 30 minutos, diferente do meu, é como se fosse cada páginas de um livro, mas eu não sei o nome então nomeei de capitulo. xD

Vou avisar uma coisa, será um Threeshot (Três episódios, é mais ou menos por esse motivo que os capitulos são curtos), depois, será a continuação, chamada: Harvest Moon - The Happy Farm Life

Capitulo 3

A primeira coisa que fiz quando acordei foi me levantar, só que bati de cara na cama e então, me lembrei do que aquela garota Mariana havia dito, estamos num pedaço de terra que está voando pelo oceano Indico, então, tudo que eu teria que fazer é ir para a ponta daquele lugar para identificar, nesse segundo, me lembrei que tinha em mãos a escritura, só faltava uma caneta, porém, a que havia ali, sumiu, e o que eu faria agora? Imaginei, derrepente, vi ela rolando pela casa e então, corrí atrás dela, derrepente, ela mudou de direção, mas mesmo assim seguí ela e iria pegar, suspeitei de alguma coisa, então parei de perseguir e olhei em volta, mas era tarde demais, eu e meu cachorro caimos em um buraco que apareceu do nada, vimos um espinho afiado que parecia que queriam me cortar ao meio, então, eu joguei meu cachorro para um lado e eu me curvei para o outro e nós dois nos safamos, derrepente, o buraco chegou ao fim e então, caí no que parecia ser um porão com várias coisas velhas, percebi que havia uma corda em volta de meu cachorro, então, joguei ele para longe e acabei atropeçando numa pedra e fiquei em cima daquela corda e logo, fui preso, era uma armadilha, como eu imaginei, mas meu cachorro se machucou com o empurrão.

- Droga! Estão querendo nos matar, Alpha! - Gritava. - Vá pedir ajuda na cidade! Entre naquele buraco ali!

Alpha entrou naquele pequeno buraco. Tyson, o cara que sempre precisou de grana, acabou ficando com algo muito pior, seu maior pesadelo. Alguns segundos depois, eu tirei de minha mochila uma faquinha que sempre guardo e cortei aquela corda, assim, conseguí ser solto, depois, em seguida, escalei aquele buraco, com muita força de vontade, então, decidí que iria enfrentar os fantasmas pessoalmente, a caneta não se mexou sozinho, um fantasma talvez devesse ter puxado ela. Então, eu fui em direção à cozinha e fiz um prato de comida bem quente e preparei para queimar os fantasmas, seria bem interessante. Abrí a porta, sem medo e de cara, apareceu um fantasma, joguei o vaso nele e o fantasma queimou e caiu, eu imaginei que ele desaparecesse, mas ficou caido no chão, eu tentei pegar o fantasma, mas na verdade, estava com algo parecendo a pele de um fantasma e por trás dela, era um homem gordo, depois, todos apareceram e então, descobrí que era uma pegadinha, esse tempo todo, nós não estávamos longe da minha casa, nós não estávamos num pedaço de terra que voa, esse tempo todo, eu não sabia que a fazenda era no Japão, eles estavam fazendo uma pegadinha para descobrirem se eu sou corajoso e no final... Esse tempo todo, eu nunca havia recebido convite nenhum...

- Espere, Tyson, a gente fez esse teste para ver se você merecia receber essa carta! - Dizia a garota Mariana, que era uma vizinha sua, enquanto entregava a carta. - Não olhe para mim, eles me obrigaram.

Pegava aquela carta e fazia uma breve leitura.

Citação :
Olá, Tyson

Essa mensagem vem da cidade de Sunlight e estamos te convidando para tomar posse da fazenda de seu Bizavô, que faleceu mês passado. A cidade está te esperando de braços abertos.


Cecil, o prefeito da cidade

Fim...
Acompanhe a continuação, Fanfiction duradoura,
Harvest Moon - The Happy Farm Life...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blue Falcon
Admin
Admin
avatar

Postagens : 354
Karma : 5125
Sabedoria : 1185
Idade : 20

Lista de Alertas
Alertas:
0/10  (0/10)

MensagemAssunto: Re: A maldição   Ter 4 Out 2011 - 14:10

Gostei =D
Nussa que brincadeira mais sem graça fizeram com o Tyson '-' >,< , até machucaram o cachorro Alpha >,< .
Mas valeu fic ta otima =D

Fanfic terminada,
Topico Block...

_________________
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A maldição   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A maldição
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Resolvido] Maldições
» [Regra] Jutsus únicos e Limitados
» CENA 1.4 - MALDIÇÕES [DONOVAN e DANTE]
» Fuuinjutsus em Geral
» Laylla Walldorf - A maldição cigana.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Harvest Moon Family :: Fan Area :: Fanfics-
Ir para: